Parado no meio-fio

O Rio de Janeiro está um caos. Horrível mesmo. Depois que o buraco do Rebouças fechou a gente não consegue mais ir de uma esquina à outra sem passar por um calvário no trânsito.

Mas o carioca, que não é bobo nem nada, já inventou um jeito de fazer o dia não ficar tão insuportável. Os bares que ficam às margens dos engarrafamentos ficam cheios de gente fazendo hora até que as pistas fiquem um pouco mais trafegáveis.

Aí vai uma listinha com os melhores bares nas imediações das filas de carros que podem ajudar a passar o tempo enquanto o túnel não volta:

 No Jardim Botânico eu voto nas empadas do Belmonte. (Rua Jardim Botânico, 617 – esquina com a Rua Batista da Costa – . Tel: 2239-1649 /2239 – 4507 / 2511 -0276)

No Humaitá, eu vou no Carambola, um bar novo e bem simpático. São mais de 10 sugestões de sanduíches. Fora os drinks. (Rua Humaitá,261. Tel 2539-3397)

Em Botafogo, eu fico com a Drinkeria Maldita. Lá dá para fazer a mistureba que quiser e inventar um drink só seu. (Rua Voluntários da Pátria, 10. Tel: 2527-2456)

No Catete, eu fico com o Bar Getúlio. Em frente ao Museu da República. Lugar de boêmios e de bons sanduíches de pernil. (Rua do Catete, 146 – 2285-2444)

Ufa, agora chega… já deu para chegar em casa!

Anúncios